O que é e como usar o Colar Elizabetano? Confira na PremieRpet

Cão usando colar Elizabetano
Cão usando colar Elizabetano

Quando nosso pet está com algum problema de saúde ou passou por algum procedimento cirúrgico, é normal utilizarmos aquele colar ao redor do seu pescoço, chamado de Elizabetano, mas muito conhecido como o “colar da vergonha”.  Para entender melhor, continue aqui na PremieRpet e aproveite a leitura!

O que é e por que usar o Colar Elizabetano?

Cão usando colar Elizabetano

O colar, como o nome sugere, é uma peça que fica envolta do pescoço do animal para evitar que o pet alcance o seu próprio corpo com a boca, seja para ele não tentar coçar uma região com ferimentos ou não tentar arrancar pontos de uma cirurgia, pois pode atrapalhar a cicatrização correta da área.

Além disso, caso ele fique sem o colar e retire o curativo, por exemplo, essa área por ter mais chances de infeccionar, já que a região fica exposta às bactérias presentes no ambiente.

Ah, fique tranquilo, esse item não causa sofrimento para o pet e, se usado corretamente, permite uma cicatrização adequada e assim que possível, ele já conseguirá parar de usá-lo e aproveitar melhor sua rotina!

Rotina e proximidade: as principais medidas para combater o estresse dos pets.

Por que se chama Colar Elizabetano?

O colar é conhecido por esse nome em razão de um caso da Rainha Elizabeth I, isso mesmo!

Ela, quando criança, tinha o hábito de roer as unhas dos pés e, para que ela parasse com esse costume, começaram a utilizar um cone ao redor da sua cabeça para desestimulá-la.

Após isso, começaram a adaptar o item para uso em animais, como cães e gatos.

Como faço para colocar o Colar Elizabetano no meu pet?

De modo geral, para colocar o colar é fácil, mas você deve se atentar para ajustar bem o colar e não ter risco dele se soltar, evitando que seu animal o tire.

A indicação é que a primeira acomodação do colar seja feita por um médico-veterinário, pois ele tem mais experiência e pode deixar seu animal mais confortável.

1. Confira o tamanho ideal para o seu pet

Antes de adquirir um colar elizabetano, tire as medidas do pescoço do seu pet para que o colar se ajuste corretamente ao pescoço do animal e seu pet fique mais confortável.

Para medir, você pode usar uma fita métrica, colocando-a em volta do pescoço dele.

E o número que der, deve ser o mais próximo possível da medida da circunferência do colar Elisabetano, dessa forma, é possível escolher o tamanho adequado para seu animal

2. Acalme seu pet para colocar o colar nele

Antes de colocar, deixe seu pet bem tranquilo, brinque com ele, dê um petisco e faça carinho. Assim, ele vai se sentir confortável e as chances da acomodação ser estressante, com certeza, vão diminuir.

Além disso, não grite com seu cachorro ou gato, isso pode deixar o momento desagradável, além de que, se ele precisar utilizá-lo novamente, ele já vai associar com um mau momento, gerando mais dificuldade nas próximas vezes.

3. Ajuste o colar para ficar confortável

O colar tem presilhas nas laterais que vão encaixar em pequenos buracos do outro lado, permitindo prendê-lo corretamente e garantindo que o pet fique mais confortável com ele.

Aproveite e veja depois: Pets e plantas: uma convivência possível.

Quanto tempo o pet deve usar o Colar Elizabetano?

Gato usando colar Elizabetano

O tempo de uso vai depender muito do tipo de ferimento e de como está a saúde atual do pet, tudo isso será orientado pelo médico-veterinário. Desse modo, você deve ficar sempre em contato com o médico-veterinário, para ele ir conferindo como está esse processo e ter uma noção de quando pode retirar o item.

Viu só? O uso do Colar Elizabetano é fundamental para buscar que seu pet se recupere rapidamente e minimizar os riscos de problemas com machucados e cicatrização seus machucados e cicatrização.

Então, quando for colocar o colar elizabetano, lembre-se: sempre em um momento calmo e tranquilo para seu pet.

Além disso, para garantir uma boa recuperação é fundamental que o animal se alimente da forma adequada. Pensando nisso, confira nosso post sobre alimentação natural para pet: ração natural ou alimentação caseira?

Gostou deste conteúdo e quer entender como cuidar ainda mais do seu pet?

Aqui, na PremieRpet, você encontra vários assuntos, com dicas e informações valiosas para garantir mais amor entre você e o seu animal de estimação. Até a próxima leitura!

Avalie esse conteúdo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Receba nossa newsletter

Com novidades e conteúdos incríveis sobre a PremieRpet®

ENCONTRE O ALIMENTO IDEAL PARA O SEU PET