Pug: tudo o que você precisa saber

Cão Pug correndo sobre a grama
Cão Pug correndo sobre a grama

Descubra tudo sobre a raça Pug, desde a origem e características físicas até cuidados essenciais, com insights detalhados para tutores e entusiastas de Pugs. Explore núcleos e tipos de pelagens, aprenda sobre saúde, expectativa de vida e especificidades de sua sociabilidade.

Os Pugs, com suas rugas adoráveis e carinhas simpáticas, são uma raça de cães que conquista corações em todo o mundo.

Esses pequenos caninos são uma das raças mais populares entre os amantes de cães.

Então, se você já é um orgulhoso tutor de um Pug ou está considerando adotar um desses amigáveis peludos em sua família, este guia é a ferramenta essencial para entender tudo o que há para saber sobre eles.

Ou seja, desde sua origem e características distintivas até cuidados de saúde e dicas de treinamento, prepare-se para se apaixonar ainda mais por essa raça.

Entenda a história evolutiva

Para entender bem seu pet, compreender a história evolutiva é parte fundamental para explorar as complexidades de qualquer raça.

Ou seja, a genética desempenha um papel crucial para entender sobre seu pet. Vamos conhecer, por meio de suas características e comportamentos, como essa raça se comporta.

Cores e tipos de pelagens

Os Pugs são famosos por sua variedade de cores de pelagem. A cor mais tradicional é o “abricó”, um tom que varia de um amarelo claro a um dourado mais escuro.

Entretanto, eles também podem ser encontrados em preto. Outra variação menos comum, mas igualmente adorável, é o Pug prateado. Estes têm uma pelagem de prata escura que lhes confere uma aparência única.

Por sua vez, em termos de padrões de pelagem, o mais característico é o “preto na máscara”. Isso significa que o focinho tem uma máscara preta, o que cria um contraste impressionante com a pelagem mais clara.

Adestramento e primeiros cuidados

O adestramento  de um Pug é um processo que requer paciência, dedicação e carinho.

Por isso, assim como qualquer raça de cães, eles precisam de orientação e ensinamentos para se tornarem membros bem-comportados da família. Veja algumas situações com as quais você precisa ficar atento:

  • Socialização: faça isso com seu pet enquanto filhote é crucial. Permita que ele conheça pessoas, outros cães e diferentes ambientes.
  • Adestramento: ensine a ele a fazer suas necessidades no lugar certo desde o início. Use reforço positivo, como recompensas, para incentivá-lo.
  • Cuidados com a saúde: certifique-se de agendar consultas regulares com um médico-veterinário. Pugs têm predisposição a algumas condições de saúde devido ao seu formato facial achatado, como problemas respiratórios e oculares.

Origem do Pug

Cão brincando em um parque

O Pug tem raízes que remontam a milhares de anos, e sua história é um conto fascinante de culturas, realeza e aventuras. Vamos explorar a origem dessa raça e descobrir como eles se tornaram os adoráveis companheiros de hoje.

Os primeiros passos na China

Os registros mais antigos dos antepassados do Pug remontam à antiga China, por volta de 400 a.C. Esses cães, conhecidos como “cães Foo” ou “cães Lo-sze,” eram apreciados pela realeza chinesa, especialmente pela dinastia Han.

Pug: um presente real

No século XVI, os Pugs se tornaram presentes valiosos para a realeza europeia. A lenda diz que um príncipe holandês recebeu um Pug da China, e a partir daí, a raça ganhou popularidade na Europa, especialmente na Holanda.

Pugs na corte real inglesa

Na Inglaterra, eles conquistaram o coração de monarcas, como William III e Maria II, que governaram no final do século XVII. Assim, tornaram-se os queridinhos da realeza britânica e continuaram a ser apreciados em toda a Europa.

Hoje, eles são conhecidos por seu caráter afetuoso e suas características físicas distintas, incluindo seus rostos achatados e olhos expressivos. E são populares no Brasil.

Características principais do Pug

Veja bem, um Pug carrega consigo características bem específicas, como você deve estar entendendo.

De sua história antiga ao favoritismo dos tempos atuais, tudo parece condizer com a realidade: esta é mesmo uma raça adorável.

Desta forma, visitas ao médico-veterinário são cruciais para monitorar a saúde do seu Pug.

Certifique-se de manter as vacinações atualizadas e discutir quaisquer preocupações de saúde com seu médico-veterinário.

E, devido à sua morfologia de focinho achatado, os Pugs são sensíveis ao calor, o que está diretamente associado ao fato de terem problemas respiratórios devido à característica de serem braquicefálicos.

Evite exercícios vigorosos em climas quentes e forneça áreas frescas e água suficiente.

Esteja preparado para atender às necessidades específicas da raça e desfrutar da companhia do seu Pug.

Por isso, nada melhor do que entender as características principais do Pug, como verá a partir de agora.

Humor

A natureza brincalhona e a personalidade extrovertida dos Pugs fazem deles uma excelente opção para famílias que apreciam a companhia de um animal de estimação que traz uma aura leve e descontraída para o lar.

Com isso, eles desfrutam de momentos de brincadeiras, e suas travessuras e interações com os tutores são frequentemente fontes de diversão ao longo do dia.

Além disso, sua habilidade de se adaptar a diferentes circunstâncias e seu desejo por atenção os tornam companheiros alegres e envolventes.

Aparência

Os Pugs são conhecidos por sua aparência única e encantadora. Seu peito é largo, as orelhas têm forma de botão e são dobradas para a frente, os olhos são grandes e redondos, a cauda portada é alta e bastante curvada, e o focinho bem curto.

Estas são características distintivas dessa raça.

  • Além de sua aparência física marcante, os Pugs têm uma expressão facial adorável;
  • Seus olhos grandes e expressivos são uma das características mais cativantes, transmitindo uma mistura de curiosidade e doçura.
  • Seu focinho achatado dá a eles uma aparência peculiar, e suas rugas faciais adicionam um toque de personalidade única.

Tamanho

Os Pugs são cães pequenos, mas sua personalidade e charme superam em muito seu tamanho. Aqui estão algumas informações sobre o tamanho típico da raçaos Pugs:

  • Altura: os Pugs geralmente medem entre 25 – 28cm no ombro. Isso os coloca na categoria de cães pequenos em termos de altura.
  • Peso: em relação ao peso, os Pugs costumam variar de 5 a 8kg. É importante observar que os machos tendem a ser um pouco maiores e mais pesados do que as fêmeas.

Saúde

A saúde é uma preocupação fundamental para qualquer amante de cães e proprietário de Pugs. Por isso, há algumas características de sua saúde que você deve conhecer:

  • Problemas respiratórios: devido ao seu focinho achatado, os Pugs são predispostos a problemas respiratórios. Eles são braquicefálicos, o que significa que suas vias aéreas são um pouco mais estreitas, tornando-os mais sensíveis ao calor e ao excesso de exercício. Por isso, é fundamental evitar exercícios vigorosos nos dias mais quentes é essencial.
  • Obesidade: os Pugs adoram comer e têm uma tendência a ganhar peso. Controle cuidadosamente a dieta do seu Pug e forneça-lhe exercício regular para evitar a obesidade, o que pode levar a outros problemas de saúde.
  • Problemas oculares: outra característica é a propensão a problemas oculares, como olho seco. Limpar seus olhos regularmente e observar sinais de desconforto é importante.
  • Problemas de pele: Pugs são propensos a alterações de pele, sendo uma das alterações decorrentes das , que podem acumular umidade e levar a infecções de pele. Manter as dobras faciais limpas e secas é essencial.
  • Displasia do quadril: alguns Pugs podem desenvolver displasia, que é uma condição que afeta as articulações do quadril. A genética desempenha um papel importante, e é importante adquirir de criadores responsáveis.

Mesmo que os Pugs sejam pequenos, eles precisam de exercício diário. Passeios moderados, brincadeiras e atividades interativas mantêm seu Pug fisicamente e mentalmente saudável.

Expectativa de vida

Você pode esperar que um Pug seja um companheiro fiel por um bom tempo, pois eles têm uma expectativa de vida média de 12 a 15 anos. No entanto, assim como qualquer raça, a expectativa de vida dos Pugs pode variar dependendo de vários fatores.

Sociabilidade do Pug

Os Pugs são notoriamente amigáveis e sociáveis, tornando-os excelentes companheiros para indivíduos e famílias.

Dessa forma, eles são cães afetuosos e ansiosos para agradar, o que contribui para sua reputação como cães sociáveis.

Como cuidar do Pug

Mulher abraçando e beijando seu cão

Cuidar de um Pug é uma responsabilidade gratificante, mas requer atenção a diversas áreas essenciais para garantir que seu amigo peludo tenha uma vida saudável e feliz.

Para te ajudar com isso, aqui estão alguns aspectos importantes a serem considerados ao cuidar de um Pug.

Alimentação do Pug

Os Pugs têm uma tendência a ganhar peso, então é crucial fornecer uma dieta equilibrada e controlada em quantidade. Consulte o médico-veterinário para orientações específicas sobre a alimentação, levando em consideração idade, peso e nível de atividade do seu Pug.

Higiene e bem-estar

Os Pugs são conhecidos por sua personalidade cativante e aparência distinta, mas para mantê-los felizes e saudáveis, é crucial prestar atenção especial à sua higiene e bem-estar.

Que tal seguir as dicas que preparamos para garantir que seu Pug viva sua melhor vida?

  • Banhos e cuidados com a pelagem: os Pugs têm pelagens curtas, mas ainda requerem banhos regulares. Use um xampu suave e adequado para cães, e preste atenção especial às dobras de pele. Certifique-se de secá-la completamente.
  • Higiene bucal: a saúde bucal é fundamental para os Pugs, pois eles são propensos a problemas dentários. Escove os dentes do seu Pug regularmente com uma escova e pasta de dentes apropriadas para cães. Isso ajudará a prevenir o acúmulo de placa e problemas de gengiva.
  • Olhos e ouvidos: verifique os olhos do seu Pug quanto a sinais de irritação ou secreção. Além disso, limpe regularmente ao redor dos olhos e ouvidos. Se notar vermelhidão, inchaço ou qualquer secreção anormal, consulte o médico-veterinário.
  • Ambiente confortável: certifique-se de que seu Pug tenha um lugar confortável para descansar e se abrigar. Eles são sensíveis às mudanças de temperatura e não toleram bem o calor.

O que o Pug gosta de fazer?

Cão em cima de um skate

Os Pugs são pequenos pacotes de energia e personalidade encantadora. Eles têm várias preferências e gostos peculiares, e entender o que seu Pug gosta de fazer é uma parte importante de cuidar bem dele.

Por isso, aqui estão algumas das atividades e passatempos favoritos dessa raça adorável:

  • Exercício e brincadeiras: os Pugs adoram brincar e se divertir. Proporcione brinquedos adequados para evitar tédio e estimule a mente e o corpo do seu Pug com atividades interativas.
  • Socialização: Pugs são cães sociais por natureza. Eles gostam de interagir com outros cães e pessoas. Leve-os a parques para cães ou para encontros com outros amigos peludos para satisfazer seu desejo de socialização.
  • Atenção e carinho: se há algo que os Pugs adoram mais do que brincar, é receber atenção e carinho. Eles são cães muito apegados aos seus tutores e desfrutam de momentos de afeto e mimos.

Conhecer e respeitar as preferências do seu Pug é fundamental para proporcionar uma vida feliz e saudável.

Conclusão

O Pug é uma raça única, além de ser encantadora, e conhecida por suas características físicas distintivas e personalidade animada.

Então, se você está considerando adicionar um Pug à sua família, é crucial entender suas necessidades específicas de cuidados, desde a alimentação até o exercício e a atenção social.

Além disso, apreciar a peculiaridade dessa raça é fundamental para criar um ambiente saudável e feliz para o seu Pug.

Ou seja, ao escolher um Pug, por meio de adoção ou compra, certifique-se de obter informações detalhadas sobre sua origem, procurando criadores respeitáveis.

Com dedicação e cuidados adequados, você terá um amigo fiel e charmoso ao seu lado, pronto para trazer alegria e companhia à sua vida por muitos anos.

Avalie esse conteúdo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Receba nossa newsletter

Com novidades e conteúdos incríveis sobre a PremieRpet®

ENCONTRE O ALIMENTO IDEAL PARA O SEU PET